Três Gerações…


gerações

Foto para matéria do dia das mães da Revista Estilo de Maio 2017.   A matéria está linda com um texto tão carinhoso de Patricia Hargreaves e fotos lindas como essa de Maurício Nahas.

Bom dia Salotto!!  A foto acima foi feita mês passado para uma linda matéria da revista Estilo de Maio (nas bancas!) em homenagem às mães.  E o texto abaixo é o meu ponto de vista sobre o que herdamos, o que carregamos e o que passamos de geração a geração!…  Sempre em homenagem a essa sorte que é ser mãe… e filha! 


Olá!!

Um dia parei para pensar e reparei que em três gerações, as mulheres da minha família tiveram que passar por obstáculos importantes. Minha avó superou uma guerra e mudou de continente. Aquela história de sempre, sem um tostão e sem falar a língua.  Minha mãe se separou em uma época quando de tão incomum ainda era chamado de desquite!  Ela também ficou sem um tostão e, no caso, sem a nossa guarda.  Quando chegou a minha vez, divórcio já era normal e apesar de estar em outro país e com crianças pequenas (Allegra 4 e Cosimo 6), o stress só me ajudou a emagrecer!  O meu verdadeiro desafio veio mais tarde quando aos 47 anos, de um dia para o outro fiquei sem trabalho!  E isso já em época de crise… Mesma história sem um tostão!

Ops, e agora?!!  Olhei para os exemplos que tinha… hmmm…. se reinventar está no DNA da família.  O que quer que seja a minha situação comparada com a minha avó que passou por uma guerra?!!  Não vou me abater (bem lógico por um pouco exprimi o suco da vítima).  Na verdade era uma chance para fazer algo que eu realmente gostava!  Foi quando comecei a levar a sério o Consueloblog e transformá-lo num trabalho.  Entendi que tinha um potencial ali para falar desta vida nômade colorida que levo.  Sempre fui muito tagarela, e de repente pude contar a minha história do meu jeito!  Que privilégio!!  Me dediquei 1000%.  Só pensava nisso!  E fui construindo uma audiência que chamo hoje de Salotto (como os salões sociais europeus do século XIX).  Um termo carinhoso para me referir aos bate-papos que tenho com os leitores nas minhas mídias!

E daí notei algo de interessante.  Eu estava aprendendo a domar o mundo digital depois que minha avó havia feito a mesma coisa com o industrial (ela foi pioneira na indústria têxtil de moda e decoração no Brasil) e minha mãe com o editorial.  Nos momentos que elas tiveram que conquistar a dignidade nas suas vidas, elas exploraram o que havia de novo.  Tenho um baita orgulho deste legado!

Lembro quando nos primeiros anos de “desquitada”, minha mãe me contava sobre suas pequenas conquistas.  Encontrou um trabalho na Casa Claudia como produtora para Olga Krell.  Depois foi trabalhar para Claudia e lá existia também a Claudia Moda que saia uma vez por ano.  Foi nela que viu a sua oportunidade.  Teve idéias sensacionais como fazer edições inteiras em outros estados com o subsídio daquele governo estadual.  A moda no Brasil ainda estava no início e as belas fotos de artistas como Trípoli, J.R.Duran e Miro vinham com Gisele, Dalma e Betty Lago (entre outras maravilhosas) de cabelo ao vento (mega-ventilador) e muitos alfinetes corrigindo a modelagem nas costas (uma vez no Natal demos de presente à minha mãe uma pulseira de plástico de costureiras com uma almofadinha verde (minha cor favorita) para os alfinetes).  Pouco a pouco, de uma edição ao ano Claudia Moda passou a 10 (se não erro) cheinhas de publicidade!!

Mas isto vinha com um custo… quase não via a minha mãe que trabalhava como uma louca dia e noite durante a semana e nos fins de semana.  Para vê-la tinha só uma solução… ir com ela ao trabalho.  Imaginem o que era para uma menina careta dos anos 70, gordinha com sardas e dente quebrado entrar no estúdio escuro e todo preto do Trípoli, com Pink Floyd no hi-fi em volume 10 e só um aquário para iluminar o ambiente.  Único lugar com luz onde tinha jeito – às vezes – de fazer o dever de casa era no banheiro.  Porém preferia muito mais conversar com os maquiadores e cabeleireiros que me ensinavam tudo sobre Isadora Duncan e o mundo gay com grande naturalidade.

E quando indo ao Guarujá para um shoot com Duran, ele decidiu parar e fotografar no gramado central da estrada?  Demorou e comemos um sanduíche.  Na hora de partir percebi que tinha perdido o aparelho de dente.  Toda equipe, modelo, mãe, fotógrafo e eu procurando o bendito com carros passando a mil por hora do nosso lado!  Foi uma época surreal que me ensinou mais do que eu podia imaginar e que me moldou para sempre.

A vida passou, meus filhos estão em universidades pelo mundo afora e eu hoje com o blog consigo comunicar com milhares de pessoas que tem algo em comum comigo.  O que mais leio é que sou “gente como a gente” coisa que me faz muito feliz!  Eu adoro compartilhar!  Tenho feito isto há 6 anos.  Inclusive no final de 2016 senti a necessidade de reestruturar a forma que trabalho pois não fazia mais sentido para mim.  Então gravei um vídeo falando sobre isto (AQUI) e muitas pessoas me escreveram dizendo como as ajudou.  Portanto, compartilhar pode ser terapêutico!  Como li em algum lugar: “Sinta o medo mas faça de qualquer jeito!”  Foi o que fizemos por três gerações, e o orgulho de carregar este legado é enorme!

Com a minha irmã, Alessandra, estamos escrevendo um livro que contará todas as histórias que marcaram essas três gerações. Com a editora Planeta e sairá logo!! 

Did you like this? Share it:

YOU MIGHT ALSO LIKE

dicas de londres
3 Dicas de Londres: O que mais gostamos nessa viagem de 3 gerações!!
July 12, 2017
Nossos looks da viagem a Londres, três gerações!
July 05, 2017
3 gerações Conversando em Londres! Um vídeo com Costanza, Allegra e Consuelo
June 30, 2017
Falando sobre como reconhecer a qualidade em uma peça de roupa. Blocker de moda 4 com Costanza Pascolato!
June 28, 2017
Estilo é Destino: linda matéria na revista Estilo
June 12, 2017
Meu presente para o dia das mães…
May 05, 2017
A Moda de hoje, por Costanza Pascolato e Consuelo Blocker (euzinha)
November 21, 2016
fotos antigas
O nosso passado através de fotos antigas… primeira parte
November 07, 2016
Revelando o estilo de Costanza Pascolato!
August 15, 2016

41 Comments

Patricia Fernandes
Reply 12 de May de 2017

Uma família certamente inspiradora! Obrigada por continuar compartilhando com a gente, Consu (ai, que intima, rs), pois suas histórias e visão de mundo são sim muito terapêuticas e, como disse, inspiradoras. Acho incrível como eu, com apenas 25 anos, me reconheço no teu blog, que é um dos meus preferidos :)

    consueloblog
    Reply 15 de May de 2017

    Q máximo! Obrigada! quando puder me explique melhor pq se reconhece no meu blog!
    obrigada!
    bjs
    c

Lisiane Bussmann F
Reply 12 de May de 2017

Se reinventar, a cada necessidade. Assim vamos seguindo. Mas levando dentro de nós a força dos nossos valores e de nossa história. Essa sua forma de partilhar é realmente terapêutica e mais que isso muito inspiradora. Obrigada por tantas fotos lindas e tanta belezanas palavras

Karoline Fernandes
Reply 12 de May de 2017

Eu cheguei a chorar.... Porque sua história é muito parecida com a minha... Minha avó e minha mãe e eu.... Três gerações... Tem a minha irmã mas ela veio depois... Minha avó materna foi uma pessoa que criou seus nove filhos sozinha... Trabalhava muito e nunca deixou faltar nada... Costurava vestido para minhas tias e fazia bolos de casamento para sobreviver.... Minha mãe herdou sua essência... Foi muito mais que isso... Quando eu nasci aos olhares alheios eu era deficiente... Mas para ela eu nunca fui!! "Lembro-me bem dela procurando médicos e especialistas em tudo quanto é coisa... Exames e investigação... Para ser sincera até hoje NUNCA soube o que eu realmente tinha...Eu hoje sou grata por tudo... E queria ser um terço do que elas foram... Minhas mulheres... Minha vida... "Vovó, eu sinto sua falta... Sei que estás a olhar por mim... Eu lhe amo muito"... Obrigada Consuelo... Obrigada, foi muito emocionante... Você é muito especial para mim... 💓

    Andrea - Curitiba
    Reply 12 de May de 2017

    Que lindo depoimento, Karoline! Bjsss

      Karoline Fernandes
      Reply 12 de May de 2017

      Obrigada... É tão lindo contar minha história... Eu tenho muito orgulho dela...

    consueloblog
    Reply 15 de May de 2017

    Que demais Karol!!! Bjs minha linda! c

Sara
Reply 12 de May de 2017

Queridona! Impossível ler e não gostar de ti, ler e não te admirar!!! Só te desejo coisas boas, Consuelo, pois é o que eu sempre tenho lendo o teu blog! Beijo!

Ariane Griffo Sezino
Reply 12 de May de 2017

Uma inspiração o texto. Fantástica história, ainda mais no mundo de hoje onde mulheres vão e buscam o que querem sem medo. Fazer o que gostamos é a parte mais importante. Parabéns!

Cassiano Lopes
Reply 12 de May de 2017

Bravíssimo!
Lança em seguida um livro de lifestyle com todas as suas dicas Super C: viagens, mala, looks, acessórios, gastronomia, fedtcheenhas e tudo mais de legal que você compartilha conosco. Até receitas!
Vai ser um sucesso, acredite!
E repito a sugestão de título - "Consuelando".
Bjocas amada!!!

    Cassiano Lopes
    Reply 12 de May de 2017

    *festcheenhas

    consueloblog
    Reply 15 de May de 2017

    Amei consuelando! bjs c

Andrea - Curitiba
Reply 12 de May de 2017

Grande Cons!! Como temos a aprender com vc!! You rock babeeeeeee..Bjsssssss

Cristina Junqueira
Reply 12 de May de 2017

Consuelo, sua história é realmente inspiradora! Parabéns por sua garra e coragem para compartilhar sua vivência conosco. Sem dúvida você deve mesmo se orgulhar de seu background e de tudo o que você construiu com suas experiências!
Desejo a você sempre muito sucesso e muito obrigada por enriquecer a vida de seus leitores do Salotto!
Forte abraço!

SANDRA PIRES
Reply 12 de May de 2017

Consuelo , sigo seu blog há alguns anos, acho muito interessante seu jeito de fazer as coisas com coragem e sem ficar se preocupando com o que vão pensar ,você mostra quem é e pronto , é por este motivo entre outras coisas que é tão querida.

Sheila andrade
Reply 12 de May de 2017

Você e suas histórias sempre me emocionam querida! Amo lê-las e ouvi-las! Beijos e um feliz dia das mães!

Luciene Felix Lamy
Reply 12 de May de 2017

Consuelo,
Sem dúvida, essa edição da ESTILO está de uma sensibilidade comovente, amiga! <3 Adoro vocês! <3 Exemplo de luta, de dignidade, coragem e trabalho. Parabéns!!!
Feliz Dia das Mães! _/\_
Zilhões!!!

MIa Athayde
Reply 13 de May de 2017

Deu vontade de aplaudir e de abraçar vocês, tres mulheres de verdade e profundamente inspiradoras.
Este teu relato deve ter sido delicioso de escrever e, para as mulheres da sua vida, inclusive Allegra, muito emocionante de ler.
Afeto, respeito, admiração, aprendizado, encantamento .... e por aí vai ...
Standing ovation !!!!!!
bjs

    consueloblog
    Reply 15 de May de 2017

    Gostoso... não sei... emocionante e quis que saísse certinho... bjs c

Helo Pinheiro
Reply 13 de May de 2017

Querida Consuelo, fiquei muito sensibilizada com o texto que escreveste. É uma lição de vida! Inspiradora! As palavras "vc é gente como a gente" dizem tudo. Por tudo isso te admiramos tanto! Parabéns pelo dia das mães, pra vc e sua mãe! Bjs. Helo.

Rose Mary Evans
Reply 13 de May de 2017

Espero ansiosa por seu livro! Sou uma das suas seguidoras mais assíduas: me identifico e aprendo muito com você, assim como com sua mãe, a quem devoto uma profunda admiração. Também venho de uma família de mulheres fortes e sou grata por cada uma delas! Obrigada pela generosidade de compartilhar sempre suas histórias, anseios, dificuldades e conquistas: saiba que alguém está atento e aprendendo com elas! Feliz Dia das Mães! ♥️

Denise Luna
Reply 13 de May de 2017

Tenho muito orgulho de lhe conhecer, de lhe considerar uma amiga, de fazer parte do Salotto que você criou, onde conheci mulheres INCRÍVEIS (Cassi também) e de você ter me apresentado um mundo novo, belo e aumentado minha cultura e possibilidades.
Não é a toa que lhe chamo de Musa!
Continue brilhando e perto de nós!
Bjs

Giselda
Reply 13 de May de 2017

Consu,você é ,realmente, especial ! Que "bagagem"de vida ,que herança de coragem, de determinação ,de força. Transita pelo mundo como se fosse a passeio sem perder o foco no profissional .Competência e autenticidade são o seu diferencial ..você é uma querida !Parabéns !Feliz Dia da Mães !E que seus livros venham logo .Concordo com o Cassiano :o livro das dicas da Consu é de primeira "necessidade ", pode acreditar .Beijo.

Marina Di Lullo
Reply 13 de May de 2017

Consu, que linda declaração de amor!! Garra, determinação, dedicação, tudo isso, sempre com gentileza, só poderia gerar coisas boas, como a corrente de afetos, que é o Salotto. Lugar que ocupa a dimensão da amizade, inexplicável junção, dos que buscam o aprimoramento e o bom convívio. Obrigada, querida Consu! Feliz Dia das Mães, para você, carìssima mia e todas queridas do Salotto! Beijos, Marina

    consueloblog
    Reply 15 de May de 2017

    Pra vc também! bjs c

Glória Jane Melo
Reply 14 de May de 2017

Estou escrevendo na noite do domingo no Brasil. Não há mais como desejar um feliz das mães. Uma vez li de Nizan Guanais que só quem teve que travar lutas na vida tem histórias para contar. Uma vida sem desafios jamais daria um filme. Que seu filme continue lindo e cheio de novos desafios e vitórias. Que haja um legado a ser deixado a seus descendentes.
Um abraço fraterno,
💗💗💗

    consueloblog
    Reply 15 de May de 2017

    O Nizan é sábio! bjs c

Irumar tedesco
Reply 14 de May de 2017

Tu fazes o que é essencial: mostra de um modo simples a elegância de viver

    consueloblog
    Reply 15 de May de 2017

    Q lindo! obrigida! bjs c

Tânia Sciacco
Reply 14 de May de 2017

Amei o post. Enfrentar o novo e descobrir novos caminhos! Muitas vezes a necessidade nos faz enxergar novas possibilidades. Quero muito este livro. Para quando vocês pensam o lançamento? Beijos

    consueloblog
    Reply 15 de May de 2017

    Era pro ano passado... aiaiai bj c

FLAVIA ROVER LEAO
Reply 14 de May de 2017

Lição de vida maravilhosa. Três gerações​ de mulheres fortes, batalhadoras, dignas de hoje serem reconhecidas. Espero ansiosa por este livro. Espero ver uma linda foto das gerações, avó, irmã, filha e neta, para que seja eternizada. Bjoss sua linda.

    consueloblog
    Reply 15 de May de 2017

    Tmbm quero! bjs c

Marly Papa
Reply 14 de May de 2017

Querida Consuelo , agora encontrei um tempinho pra passar por aquí , adoro ler as historias da sua vida e da sua familia , me vejo mto nelas , tb sou neta de inmigrantes e sinto muito orgulho do que aprendí con eles e das usas experiencias de vida . Fiquei feliz em te encontrar , achei o astral mto Gostoso e em encontrar nossa Ritoka !!! Espero que vc tenha tido um dia gostoso e feliz , um Bj a vc e a sua mãe !!!

Erna Weber
Reply 14 de May de 2017

Consuelo, você sempre nos emociona e inspira. Obrigada por compartilhar coisas tão belas conosco. Um grande abraço!

Carla Bertola
Reply 15 de May de 2017

Lindas!!! Voces sao inspiracao para todas nos!!
Um grande abraco
Carla

Marina
Reply 15 de May de 2017

Consuelo, na verdade esse legado que passou para si diretamente da sua mãe e da sua avó, ganha uma dimensão ainda maior, atravês de você quando comunica as suas ideias e os seus valores e partilha tanta beleza e emoções com o Salotto. Você acrescenta muito de bom na vida de quem te segue e certamente isso se reflete no carinho do Salotto por você. Um beijo!

PS: Hoje vou ficar com a frase: "Sinta o medo mas faça de qualquer jeito!”

    consueloblog
    Reply 15 de May de 2017

    Ah! como vc lembrou q esta é uma das minhas frases favoritas? bjs c

consueloblog
Reply 15 de May de 2017

Quanto carinho em cada comentário!! Muito obrigada!!! Estou com pouco tempo para responder um a um, mas li todos!
bjs e obrigada!
c

Rosana Nogueira
Reply 20 de May de 2017

Vivo um momento de extrema dificuldade, pois preciso de muita coragem para romper as correntes que me aprisionam. Quanto mais me debato, mais imóvel me vejo... seu depoimento,por mais sensível e delicado, demonstram uma determinação e força inspiradoras! Muito obrigada pelo exemplo de superação e vitória,querida!
Um enorme e carinhoso beijo!

    consueloblog
    Reply 22 de May de 2017

    Coragem e boa sorte! bjs c

Leave a comment

Your email address will not be published. Required fields are marked *