Processando esse momento de transição digital…


Querido Salotto, mais um ano chega ao fim!  Mas como falei neste post AQUI, o recomeço é a qualquer momento, somos nós que decidimos.

Mas existem eventos que nos influenciam enormemente os quais não temos controle.  Quando se é blogger Digital Influencer (uso este título que não gosto por falta de outro melhor), não pode-se ignorar quando um aplicativo importante entra no mercado.  Por várias razões.  Primeiro você não quer que te roubem o nome ou espaço.  Segundo porque hoje uma pessoa que trabalha com a internet dificilmente pode existir apenas em uma plataforma pois o seguidor transita em várias e descobre aspectos diferentes do influencer em cada uma.  Também tem o fato que alguns seguidores “vivem” apenas em um ou dois aplicativos.  Especialmente nós da minha faixa etária.  Como números contam, e para continuar comunicando preciso de parcerias, tenho que ser estranhamente “omnipresente”.

Se como eu você respeita o teu conteúdo e quer ser próxima ao teu seguidor, acaba fazendo tudo sozinha: conteúdo e respostas ao seguidor.  Como isto acontece diariamente, pode drenar muita energia e capacidade criativa… Foi o que me aconteceu este ano quando o Instagram lançou o Stories, uma copia evidente e assumida do Snapchat.  O que fazer?  Criar conteúdo idêntico nas duas plataformas?!!!  Sim?  Não?…  Em choque eu abstinei um pouco de tudo!!

Fiz então este vídeo abaixo onde discuto um pouco deste processo e como penso de superar o tudo.

Se não abrir, por favor clique AQUI.

Bem então, nos vemos em 2017, onde continuaremos esta aventura juntos! <3

Did you like this? Share it:

YOU MIGHT ALSO LIKE

Meu Hoje…
April 28, 2017
Por que não é ruim ser velha no Brasil…
April 19, 2017
blog de sucesso
Minhas dicas para criar um blog de sucesso!
April 10, 2017
Falando de moda, estilo e blogging para a Get the Look
April 03, 2017
Na Aparatto em Pelotas!
March 31, 2017
Caminhar salvou a minha vida!
March 17, 2017
Vamos falar de relacionamentos?… Filhos, mãe, pai, namorido e amizades.
February 20, 2017
Estilo? Como encontrei o meu e como você pode encontrar o teu!
February 15, 2017
As minhas coisas favoritas!!!
February 10, 2017

55 Comments

luciene felix lamy
Reply 30 de December de 2016

Querida Consu,

E que AVENTURA!!! \o/

Acompanho seu trabalho desde o início (set/2010), especialmente nas plataformas blog, insta e face.
Enxergo como um blog de life style (bem diversificado) que me atrai, sobretudo, por ser de uma pessoa elegante, distinta, contemporânea na idade, nos valores, na estrutura e nos anseios básicos de vida.

Por anseios básicos de vida entenda-se: estar bem, ser feliz, trajar-se e arrumar-se com adequação, praticidade, cultivar a alegria e a curiosidade pelo mundo.

Seu blog é multifacetado e, por conta disso, podemos contemplá-lo sob “n” prismas. Os lugares (viagens), os looks, e todas as demais informações que trazes (notícias relevantes, dicas e interações com o Salotto) agregam, as novidades entretém e enriquecem minha vida como um todo, pois ventilam meus conhecimentos.

Penso que seja consenso que um(a) “digital influencer” precisa de patrocínio, de parcerias comerciais para seu trabalho. Não compreendo sequer discutir isso. Sem falar que suas parcerias são de qualidade; Bontempo, Phebo Granado, etc.

Bem, dito isto, o mundo digital é um constante “vir-a-ser”; está sempre em transformação. A gente patina, se encaixa, adequa-se nas que mais se identifica e segue em frente. Será sempre assim, faz parte.

Claro que, conforme o conteúdo (“o meio é a mensagem”, já afirmara McLuhan), acabamos nos identificando mais com uma determinada plataforma em detrimento de outras. Mas elas se interligam mesmo! Por exemplo: uso muito o face, vejo uma foto linda (de Londres, por exemplo), daí corro até o Blog e confiro o Post (onde você dá uma aprofundada na transmissão do que está cobrindo), aproveito e confiro o Insta e por aí vai.

Esse teu tempinho mais introspectivo, eu percebi. Conversando com uma amiga do Salotto, ela também percebeu. Eu disse a ela: “Olha, Saturno está em Sagitário, para quem é do signo ou tem Ascendente em Capricórnio, esse trânsito de Saturno pela 12ª Casa, que é a dos bastidores, nos leva a nos recolhermos e a reavaliarmos tudo o que temos feito!”.

Minha análise desse seu vídeo possui um viés astrológico porque esse é um dos âmbitos do conhecimento que me atrai e me ajuda MUITO em minha própria vida. Sem falar que também estou passando por essa fase, a de reavaliação.

A morte recente de minha sogra, uma significativa matriarca (como todas o são!), cuja perda foi (e está sendo) muito perturbadora, contribuiu para isso, para que eu me voltasse mais para meu interior psíquico, para que eu reavaliasse meus valores, meus propósitos, enfim, ajustasse o leme, realinhasse a rota.

Ainda estou trabalhando nisso interiormente. O inconveniente é que essa experiência (a de retirar-se para confabular com nossos próprios botões) de algum modo – nos paralisa um pouco.

Na verdade EXIGE certa “paralisação” para que possamos começar a prestar mais atenção aos nossos anseios mais íntimos. E, no afã pelo empenho em nos adequarmos o quanto antes, em ajustarmos o que quer que estejamos sentindo com a realidade que vivemos, patinamos! Nosso empenho é por estar sempre em luta, jamais em pausas, que geralmente consideramos infrutíferas (esse anseio é típico do Elemento Terra: Touro Virgem e, sobretudo das capricornianas!).

A mitologia grega (e seus arquétipos simbólicos aos quais a psicanálise sempre recorreu) nos dá um indício do que é que acontece em nossa psique quando vivenciando trânsitos pela 12ª Casa (análoga ao signo de Peixes). Eles denominaram de Caríbdes. No vídeo acima, dos 6:10 aos 6:18 você REVELA exatamente o que é Caríbdes! \o/

Diferente de um ser vivo, um monstro concreto, “palpável”, real, simbolizado por um animal, como o Kraken, por exemplo, Caríbdes é mais indefinível, mais inefável... É como um gigantesco e inabarcável redemoinho que nos envolve e que ameça nos dominar e subjugar até desaparecermos, tragados por seu centro.

O pharmakon para enfrentar Caríbdes é, antes de mais nada, a pausa. Somente se pararmos de nos debatermos, se cultivarmos a serenidade, mantendo a cabeça à tona e, observando sua dimensão buscando um certo distanciamento para processarmos todo o entorno é que encontraremos algum norte, alguma “segurança” enquanto estivermos sob o jugo do caótico Caríbdes.

Passado este trânsito (que, como TODO trânsito, passa!), nos sentiremos novinhos em folha para afirmarmos ainda mais e melhor, com toda convicção do mundo, aquilo que configura a 1ª Casa: nossa PERSONALIDADE.

Considerando que seu trabalho envolve MUITO de sua personalidade (que é super autêntica!) e o modo como ela se apresenta (plataformas digitais), é perfeitamente compreensível que esse trânsito pela 12ª Casa esteja exigindo uma “formatação” para que (parafraseando novamente McLuhan) o meio se ajuste à mensagem. E vice-versa.

Como o signo de Sagitário (naturalmente anterior a Capricórnio) ocupa sua 10ª Casa, a da carreira, os ajustes estão se dando nessa esfera da vida. Assim como a 2ª (quanto eu ganho) e a 6ª Casa (o que eu faço), a 10ª (meu status) que é tradicional de Capricórnio, são Casas (áreas de experiências) de Terra, materiais, palpáveis, concretas, reais. Estão interligadas!

Estamos em fase de “bastidores”, Consu. As lutas travadas são internas, pessoais. É com Caríbdes que estamos nos entendendo. Esse vídeo explicita bem que você está se empenhando em manter a cabeça à tona! \o/

"Acredite-me, meu caro, não há guerreiros mais fortes do que a paciência e o tempo." Tolstói, em Guerra e Paz.

Adoro esse seu blog! Adoro quando revelas tua Alma! Me identifico pra caçamba!!!

FELIZ ANO/CICLO NOVO!!! \o/

Zilhões!!!
lu.

PS: Ainda acho que você deveria inserir o FAC (embaixo dos olhos) para indicar às leitoras onde se encontra a resposta às perguntas + frequentes, tipo: “Nossa, você não sente frio nos pés?” (esse é seu “pavê ou pácumê”; Hahahaha!!!), que já respondesses zilhões de vezes!

Transcrevo abaixo algo sobre esse trânsito de Saturno por Sagitário tendo em vista especialmente o SEU mapa natal, donzela, pois esse Saturno “pega” suas 12ª (por seu signo de Capricórnio) e 10ª Casas (pelo seu Ascendente em Aquário). Stephen Arroyo é FERA!!! \o/ Espero que ajude.

Saturno na Casa XII (como no signo de Peixes), pois Sagitário é o 12ª signo a contar de Capricórnio:

O trânsito de Saturno por esta Casa, juntamente com o seu trânsito pela Casa I, coincide com uma importante fase de transição na vida de toda a gente.

A fase de Saturno na Casa XII é um período em que defrontamos resultados de todos os pensamentos, ações, desejos e atividades que foram nossos durante o último ciclo saturnino através das outras Casas.

O modo pelo qual nos temos exprimido [expressado] no mundo (Casa I) levou-nos, inevitavelmente, a esse tipo de karma. Se é este o primeiro trânsito de Saturno pela Casa XII durante esta vida (não é nosso caso, Consu), então a fase da vida que termina com este período pode ser uma que começou numa vida passada.

Mas, em qualquer caso, trata-se do fim de um velho ciclo; e, por isso, muitas vezes nos sentimos descontentes, confusos, desorientados, presos num quadro emocional e mental, à medida que velhas estruturas começam a desmoronar-se.

Por outras palavras, as ambições, valores, prioridades e crenças que em tempos deram significado e direção à nossa vida, começam a dissolver-se quando Saturno entra nesta Casa; e a sensação de estarmos perdidos (olha Caríbdes!), de não termos base sólida em que assentemos os pés, é geralmente muito forte durante o primeiro ano desta fase, até que se consolidem novos valores e novas atitudes, mais apurados, perante a vida.

Trata-se, assim, de um período para a definição dos ideais e da orientação espiritual última, e muitas pessoas ocupam-no experimentando novas perspectivas, depois de se terem libertado de velhas ligações que agora se demonstram como vazias e inertes.

Em resumo, trata-se de um período de trabalho na clarificação das dimensões transcendentes e sutis da vida que, embora sejam difíceis de exprimir, constituem a mais oculta fonte de força que nos ajuda a combater pelo desenvolvimento no meio das batalhas e dos obstáculos da vida.

A Casa XII tem sido denominada a Casa do isolamento porque, neste período, é bastante comum um certo tipo de isolamento físico.

Mais o mais comum é a pessoa, pelo menos durante a primeira metade do período, sentir-se numa prisão emocional, isolada do mundo exterior que parece distante e irreal.

É um período em que nos devemos voltar para nós próprios, a fim de despertar fontes interiores de energia emocional e espiritual; e, muitas vezes, parece que se não optarmos conscientemente neste sentido, surgem circunstâncias que nos levam a experimentar uma certa forma de isolamento pessoal e não nos deixarão outra escolha senão a de refletir sobre as nossas vidas de uma perspectiva distanciada.

Mas, na maior parte dos casos que conheço, a pessoa anseia pelo isolamento, por se afastar das preocupações do mundo exterior, quer isto tome a forma da fuga para o mosteiro ou de uma simples retirada das muitas associações e atividades que dantes tinham sentido.

É um período excelente para o estudo de temas espirituais, místicos ou ocultos, e muitas pessoas sentem-se também particularmente atraídas para a expressão musical, poética ou visionária, visto que aquilo que sentem não pode exprimir-se em termos lógicos ou racionais, mas somente através de imagens, vibrações e intuições.

Verifica-se também, com frequência, um impulso para atividades humanitárias ou eminentemente sociais, como meio de descobrir um sentido para a vida.

Os problemas de saúde, não raros neste período, são, regra geral, de ordem psicossomática, queixas difíceis de diagnosticar que só uma terapia psicológica/espiritual resolverá.

A energia física é, muitas vezes, baixa, devido ao desgaste emocional proveniente da desagregação de toda a antiga estrutura da personalidade. O velho dissolve-se, a fim de deixar espaço para o nascimento de uma nova orientação de vida, de uma nova estrutura de vida.

Contudo, o mais desorientador neste período é o fato de se caracterizar pela espera, pelo sonho, pela exploração interior, tempo durante o qual o indivíduo não tem limites firmes nem uma base sólida a que se fixe.

Uma pessoa espera e prepara o nascimento da nova estrutura, mas não começará a construí-la enquanto Saturno não tiver cruzado o Ascendente para entrar na Casa I. No entanto, se uma pessoa extrair força interior da compreensão de que um novo EU se está a criar, a libertar-se de inúmeros estorvos, então, quando Saturno atravessa a Casa XII e se aproxima do Ascendente, podemos nos tornar cada vez mais inspirados, cada vez mais felizes.

Saturno na Casa X (como no signo de Capricórnio), pois Sagitário está em sua 10ª Casa:

O trânsito de Saturno pelo Meio do Céu e a sua entrada na Casa X trarão, regra geral, para o primeiro plano, uma séria preocupação com as ambições, as esperanças de atingir algo na carreira, o papel na sociedade e a autoridade que se possui, e a estrutura do trabalho específico através do qual tentamos atingir os nossos objetivos.

Por vezes, pode ser sentido como um período de frustração nessas áreas de vida ou como um período de ansiedade, quando estamos sobrecarregados com deveres que nos desagradam, nomeadamente no caso em que a carreira ou estrutura vocacional que construímos é demasiado opressiva ou não é suficientemente realista para satisfazer a nossa verdadeira natureza.

Contrariamente àquilo que algumas tradições astrológicas nos levariam a crer, esta fase não indica necessariamente que as nossas ambições vão ser contrariadas; mostra apenas que é tempo de trabalharmos mais na definição do seu alcance e significado.

Na verdade, algumas pessoas experimentam uma culminação muito positiva dos seus objetivos de carreira neste período, com reconhecimento social e realização consideráveis. É também um período para obter uma perspectiva isenta daquilo que realmente fizemos, diferente da nossa reputação (que é, muitas vezes, incorreta) ou daquilo que pensamos que fizemos.

Se virmos a Casa X como a XII a contar da Casa XI, podemos ainda deduzir que esta fase mostra os resultados (Casa XII) nas nossas associações, objetivos e sentido individual (Casa XI). Se a carreira ou estrutura vocacional parece frustrante nesta fase, isso provém, geralmente, do fato de não termos incorporado nela suficientemente os nossos objetivos e os nossos ideais pessoais socialmente válidos. Mas podemos começar a fazer isso quando Saturno entrar na Casa XI.

Referência Bibliográfica: "Astrologia, Karma & Transformação", de Stephen Arroyo (esgotada).

    Andreia Mota
    Reply 30 de December de 2016

    Lu querida, esse Saturno em Sagitário também serve para a Lua e o Ascendente? Bjs

      luciene felix lamy
      Reply 30 de December de 2016

      YES, Andreia!
      No entanto, especificamente para quem tem o Ascendente em Sagitário (Casa I), nosso caso, a pegada de Saturno é essa (se tiveres paciência para conferir) aqui:

      Saturno na Casa I (como no signo de Áries)

      Quando Saturno atravessa esta Casa está a criar-se uma nova ordem, após a velha ter sido dissolvida, enquanto Saturno se encontrava na Casa XII.

      À medida que Saturno se aproxima e entra em conjunção com o Ascendente, sente-se, muitas vezes, algo que nos devolve à Terra, que nos leva a compreender os resultados das nossas ações e dos modelos de comportamento passado e que, por isso, nos pode impelir a assumir maior responsabilidade por nós próprios e pelas nossas ações do que anteriormente.

      Regra geral, algumas circunstâncias externas compelem-nos a enfrentar fatos ou situações imediatas importantes que talvez tenham sido desprezados ou tidos como certos no passado. Este tipo de experiência é o início de uma longa fase de compreensão de certas verdades práticas acerca de nós próprios.

      Como, nessa altura, muitas pessoas se tornam mais conscientes das suas faltas e necessidades de desenvolvimento no futuro, este período é, muitas vezes assinalado por uma busca ativa de recolha de informação fora de nós, a fim de se obter um quadro mais claro daquilo que realmente somos, de quem realmente somos.

      Pode-se procurar esta informação nos amigos, mas recorre-se com frequência a um conselheiro, a um psiquiatra, a um astrólogo ou a outro tipo de terapeuta.

      Em resumo, trata-se de um período em que as pessoas se tornam mais realistas acerca de si próprias, em que tentam obter uma perspectiva sobre o gênero de pessoa que querem ser e em que começam a construir esse novo EU através de um esforço concentrado e de uma honesta auto-apreciação.

      É um período em que prestamos atenção a nós próprios com considerável seriedade, um tempo em que começamos a nos conhecer mais profundamente do que antes, um tempo para aprender mais acerca das nossas capacidades.

      O trânsito de Saturno pelas Casas XII e I é também, muitas vezes, um período de crise pessoal, um processo de renascimento que pode levar mais de cinco anos. Durante todo este período, a estrutura da velha personalidade é inapelavelmente deixada para trás, mas o tipo de nova estrutura e de novo rumo que daremos à vida e pelo qual nos exprimiremos depende, em grande parte, do nível de honestidade com que sejamos capazes de nos confrontarmos a nós próprios.

      Creio que este período em que Saturno está nas Casas XII e I deve ser considerado como abrangendo uma das principais fases de transição da vida e, por isso, é aconselhável relacionar o significado de Saturno na Casa I com o trânsito de Saturno pela Casa XII, mais do que ver cada uma das fases como um período de tempo isolado.

      O termo “recomposição” descreve bem Saturno na Casa I porque – quando Saturno abandona a Casa XII – o indivíduo se sente muitas vezes, como um recém-nascido, aberto a tudo com uma curiosidade insaciável, mas também sem muitas disciplina ou estrutura definida de personalidade.

      As novas potencialidades que aparecem durante a fase da Casa XII ainda não estão integradas num todo coerente e funcional. Quando Saturno entra na Casa I, sente-se com frequência a necessidade de nos tornarmos outra coisa, de trabalhar ativamente no nosso próprio desenvolvimento, mais do que permanecer num estado de abertura – passiva, no entanto –, simbolizada pela Casa XII.

      Então, muitas vezes, a pessoa aplica um considerável esforço na moldagem de um novo sentido de identidade, de um novo e mais profundo nível de confiança; e quando Saturno se aproxima do extremo da Casa I, teremos uma experiência ou conheceremos alguém que nos levará à experiência da compreensão da nossa própria totalidade com uma clareza maior. Este novo sentimento de integração e de fortaleza interior baseia-se num mais profundo sentido dos valores perenes e num maior sentido das responsabilidades pessoais e da individualidade essencial.

      Enquanto Saturno se cruza com o Ascendente e permanece na Casa I, verificam-se também frequentemente assinaláveis mudanças físicas. É comum uma perda de peso sem esforço, por vezes mesmo exagerada.

      A energia física é muito baixa, manifestando-se em cansaço, má digestão e em períodos depressivos. Contudo, devemos compreender que é este o período que encerra as maiores oportunidades para a construção de um novo corpo, bem como de uma nova personalidade; essa construção exige, todavia, disciplina, perseverança e muito trabalho.

      Tenho visto pessoas robustas e saudáveis a desbaratarem as suas energias para nada durante este trânsito, por não se decidirem a melhorar os seus hábitos de saúde e a disciplinar os seus regimes de vida e de alimentação.

      Por outro lado, também tenho visto pessoas fracas e doentes iniciarem um regime de vida ao longo deste período que as leva a alcançar um estado de excelente saúde e de abundante energia, mesmo antes de Saturno abandonar a Casa I.

      Por outras palavras, o trânsito de Saturno pela Casa I pode ser considerado como a fase-chave do ciclo saturnino, visto que é durante este período de vida que começamos, de fato, a criar o tipo de pessoa que queremos ser e a compreender que tipo de pessoa o nosso karma quer que sejamos.

      Por isso, todas as atividades e envolvimentos de uma pessoa no mundo exterior durante o resto do ciclo de 29 anos se desenvolverão diretamente a partir dos valores a que o indivíduo adere e do tipo de caráter que se constrói durante esse período.

      O trânsito de Saturno pela Casa I pode, de fato, ser considerado um “período de obscuridade” no sentido em que o indivíduo presta atenção, em primeiro lugar, a si próprio, desprezando o envolvimento ativo em atividades e em ambições que prontamente seriam detectadas pelo público (embora existam algumas exceções a este comportamento).

      Mas, claro que é quase sempre necessário uma pessoa voltar-se para si própria e retirar-se, em certa medida, dos envolvimentos do mundo externo durante qualquer período de acentuada transformação pessoal e desenvolvimento acelerado.

      Deve-se também salientar-se que é bastante comum o indivíduo começar a interessar-se, neste período, por qualquer objetivo de longo prazo que eventualmente se transformará numa vocação ou ambição fundamentais, visto que o planeta da ambição e da carreira (Saturno) está na Casa dos novos avanços, a Casa I.

      Aquilo que antes eram as principais ambições e os principais objetivos a longo prazo desmoronam-se, regra geral, ou são vistos como sem sentido quando Saturno está na Casa XII, ao passo que novos objetivos e interesses vocacionais começam a tomar forma quando Saturno atravessa a Casa I.

      A pessoa não compreende, muitas vezes, que estes novos interesses desempenharão papel importante nas atividades fundamentais dos anos futuros; no entanto, o indivíduo parece com frequência guiado em direção a tipos específicos de trabalho, mesmo que sinta uma certa resistência ao prosseguimento de tais atividades.

      No fim das contas, Saturno é geralmente sentido como “a mão do destino” que toca as nossas vidas, e tal sensação é mais uma prova de que “a mão do destino” nos ajuda a definir a nossa orientação futura.

      ZILHÕES!!!

        Andreia Mota
        Reply 31 de December de 2016

        QUERIDA Lu, que trabalhão te dei!!!
        Vou ler tudinho com muita calma, pelo visto 2017 vai exigir mais cautela para todos nós. Que seja um ano de muita reflexão e vontade de ser uma pessoa melhor, este é o meu desejo. Obrigada pelo carinho e paciência em explicar o que vem pela frente. Um beijo carinhoso.
        Salotto amado um Feliz 2017, de saúde e fé.

    Denise Luna
    Reply 31 de December de 2016

    Lu, você é TOP!!!!!!!!!!!!!!
    Bjs
    ps: Eu sou de 22/12, então estou também em recolhimento e transição! kkk

      Luciana de Oliveira
      Reply 2 de January de 2017

      Estamos né gêmea de aniversário!

Andreia Mota
Reply 30 de December de 2016

Wowww, suei nas mãos, achei que você entraria em manutenção!!! E quantos novos aplicativos e/ou plataformas estarão por vir no próxmo ano? Você tira de letra, mas concordo com a Lu de que existe um "questionamento interior", embora reconheço que é um pensamento geral para mulheres da nossa geração. Estaremos sempre com você querida, não esqueça do Consu"ELO" que nos une. Te amo tá!

Cláudia Del Rio
Reply 30 de December de 2016

Adorooooooo vc Consuelo !!!!! Lindo 2017, com muita saúde, sucesso e paz à vc e os seus !!! Vc é inspiração, motivação,para todas nós !!! Grata por tudo !!! Um abraço carinhoso !!!!

Cassiano
Reply 30 de December de 2016

Wow...
Estou aqui pensando em tudo o que você falou...
Uma bela reflexão que me faz acreditar na necessidade de mudar, sempre para melhor.
Admiro o seu profissionalismo, sua conduta, o respeito ao seu público, o carinho, atenção e cuidado, compartilhando, ensinando, alertando, divertindo.
A sua generosidade em fazer com que nos sintamos especiais e parte de uma família que surgiu por sua causa é grandiosa.
Eu não te acompanho desde o início, mas desde o momento em que aqui cheguei, nunca mais parti.
Te sigo no blog, no Facebook, Instagram, Snapchat e se surgir outra mídia, te seguirei também. E se não quiser mais nenhuma mídia, seguirei você com o coração.
Esse mês minha vida mudou também. Fui demitido do trabalho que tanto amava, porém que não me fazia mais feliz... Percebi que fiquei no piloto automático por muito tempo, onde esqueci completamente de cuidar de mim.
Foi um wake up call! Fiquei triste, mas passou. Estou preocupado? Sim. Entretanto, confiante e determinado a transformar minha vida para melhor.
E seguir em frente acompanhando o consueloblog, você e todos os que me inspiram a ser uma pessoa melhor.
Feliz 2017 e que nossos passos sejam iluminados com amor, fé, trabalho, aprendizado e serenidade.
Te admiro e torço pelo seu sucesso.
Um beijo e um abraço de urso!
Happy New Year Super C! With all my love, Cassi

    Andrea - Curitiba
    Reply 30 de December de 2016

    Grande Cassi!! Acho que vc deveria pensar em escrever profissionalmente, tal a tua capacidade em nos fazer entender de tudo um pouco com tuas palavras!! Again, que venha 2017 repleto de desafios profissionais e alegrias!! Bjs, principe Cassi!!

      Cassiano
      Reply 3 de January de 2017

      Obrigado Andy e sejamos felizes em 2017!

    Ana Laura Dimas de Freitas Rabelo
    Reply 31 de December de 2016

    Cassi,

    Tenho certeza que será um divisor de águas e que vai te abrir oportunidades! Hold on, vai dar certíssimo!

    XXX,

    AL

      Cassiano
      Reply 3 de January de 2017

      Vai ser Aninha e estou me preparando para essa transição! Bjocas ❤❤❤

    Andreia Mota
    Reply 31 de December de 2016

    Amore, nós pensamos a mesma coisa "a ser uma pessoa melhor"!!!! E seremos, porque está no nosso destino. Um 2017 com sonhos concretizados e desejos realizados. Você foi um dos presentes que a Consu e o CBlog me deu. Um beijo super carinhoso em você, meu mano querido.

      Cassiano
      Reply 3 de January de 2017

      Love.you mana!

Andrea - Curitiba
Reply 30 de December de 2016

Assino embaixo do que a grande Lu escreveu!! E Cons, ninguem agrada ¨gregos e troianos¨..Sempre vai ter alguem que nao gosta e outros que amammmm D+ o que vc posta e escreve com tanta verve, carinho e propriedade! ¨Vamo que vamo¨!! ¨Tamo¨ junto sempre!! Bjss e que venha 2017 com muitas alegrias e novos desafios!!

Fatima Bertoche
Reply 30 de December de 2016

Feliz 2017!! Cheio de surpresas boas!!

Gloria Jane Melo
Reply 30 de December de 2016

Querida Consu,
Aportei no blog quando ele já estava a caminho. Vi-o crescer e acompanhei seu trabalho incansável, diuturnamente. Não é fácil crescer. Vêem as dores do crescimento que literalmente pertubam o sono das crianças e metaforicamente do adulto. Assim como a adolescência é um período de transiçao para que este crescimemto se apazigue, também o crescimento do blog precisa ser apaziguado.
Fico feliz quando vejo que as parcerias comerciais aumentam. Para o blog elas são tão necessárias quanto a remuneraçao por qualquer trabalho honesto.
Sei que você vai encontrar seu melhor caminho. E olhe que com a sabedoria de Lu a mostrar as portas certas, tudo parece ficar mais claro.
Desejo sinceramente que tenha um MARAVILHOSO 2017!!!
Um abraço fraterno!💗💗💗

Ro Marzionna
Reply 30 de December de 2016

Querida Consuelo, obrigada por mais um ano dividindo conosco momentos especiais. Adorei conhece-la pessoalmente, numa de suas vindas ao Brasil. Desejo que em 2017, sigamos, persistentes, na busca de nossos sonhos. Um beijo carinhoso extensivo a toda família.

Francisca Takabatake
Reply 30 de December de 2016

Querida Consuelo,
Eu acompanho seu trabalho há cinco anos e me identifico muito com você porque temos a mesma faixa etária.
Acho que as pessoas estão muita chatas e intolerantes ultimamente. Fica difícil agradar a todos.
Adoro seu trabalho e desejo que em 2017 você continue com sucesso e mais leveza na sua vida.
Obrigada pelos momentos maravilhosos de 2016!
Tudo de bom pra você e sua família. Bjs.

Karoline Fernandes
Reply 30 de December de 2016

Bom...Vi seu vídeo... Eu para ser sincera as vezes queria ser você por uns minutos sei lá, ou talvez para sempre. Mas aí paro e conecto meus pensamentos em "Mas eu não posso ser ela"...ELA! Então posso gostar do que ela faz... E é... Cheguei por acaso aqui nem me lembro bem o dia... Acabou abrindo uma porta que estava quase trancada em mim... Eu posso dizer que foi a melhor coisa que eu fiz... Ter entrado nesta casa... A casa que uma pessoa construiu... Tijolos, cimento... Esforço e muito amor... Até você abrir meus olhos ONTEM... Não imaginava que ser bloggler e mais um montão de coisas era difícil ( pensava que era simples)... Mas não é e mesmo assim você consegue acordar todos os dias com a felicidade estampada nos olhos e no sorriso... Consegue conectar todas na sua vibe... Consegue ser tudo e muito mais....

Milhões de vezes obrigada por tudo que você é e faz... Milhões de vezes obrigada por dizer todos os dias " BOM DIAAA SNAPERSSSSSSS", por ser uma linda dos cabelos cacheados e olhos verdesss... E sorriso sincero...
Já posso dizer que amo hahaha...

Feliz 2017 SIM com muito amor, muita sáude realizações incríveis.... Que você alce voos muito mais altos... Que tudo na sua vida dê certo... E que Deus te proteja. SEMPRE!

Paty
Reply 30 de December de 2016

Consuelo e Salloto Queridos,
Que bom saber que não estamos sozinhos passando por todas essas fases tão enriquecedoras. Embora eu não seja capricórnio nem aquário (sou gêmeos/libra - ar por todos os lados :)), tenho encarado meu Caríbdes também. A filosofia oriental e meditação têm aberto novos horizontes. Aqui vai um trecho de um livro que acho bem pertinente à essa fase. Me perdōem ser em inglês :/
"What about creative thoughts, ones that are necessary to solve problems?...what you need to ask yourself, is how much of your thinking is helpful, productive, and how much is unhelpful or unproductive.
...meditation, within a mindful context, is not about stopping thoughts and controlling the mind. It's a process of giving up control, of stepping back, learning to focus the attention in a passive way, while simply resting the ming in its own natural awareness."
Wishing you all a wonderful 2017! Repleto de realizações, saúde e muita paz interior.

    Paty
    Reply 30 de December de 2016

    oooppss... correções - Salotto e mind ao invés de ming!!!!!
    O livro é de Andy Puddicombe (criador de Headspace) - Meditation & Mindfulness

Magda
Reply 30 de December de 2016

Consuelo, um lindo e feliz Ano Novo!
Numa atitude bem egoísta, tomara que tu sempre nos traga estas coisas boas que nos dás. Moda, comportamento, gostosas comilanças, fotos alegres, esse teu querido Amor, o Roberto, tão charmoso! que tanto te aquece.
Muita saúde junto aos teus queridos.
Até 2017. Obrigadíssima por tudo.

Marcia Ferenshitz
Reply 30 de December de 2016

Parabéns pela sua espontaneidade Consuelo !! Seu blog é o mais verdadeiro e sincero que eu conheço !! Admiro você.
Feliz 2017 !!!!!

Maria de Lourdes Buarque de Nazareth
Reply 30 de December de 2016

Acho você uma mulher feliz, portanto tenha um 2017 ainda mais próspero, com muita saúde, paz e amor. Continue passando toda essa alegria e leveza para seus fãs distantes.

Mari
Reply 30 de December de 2016

Continue assim. Amamos o blog. Feliz 2017.

Giselda
Reply 30 de December de 2016

Querida,tem gente que acha que o trabalho dos outros é ,sempre ,fácil .Não se preocupe com esse tipo de comentário.Sabemos como seu trabalho é complexo .Mesmo quando você está se divertindo,está trabalhando para transmitir da melhor e mais completa maneira tudo que ,você sabe que queremos saber a respeito.Texto e fotos nos transportam ,como se estivéssemos"lá".Quantas informações nos levaram a conhecer lugares que nem suspeitávamos serem interessantes? E quanto às parcerias ,são necessárias e todas confiáveis e de alto nível.Relaxa e faz do seu modo .Temos certeza que o seu talento sabe o caminho certo .Muito obrigada ! Felicidades,querida !

Marcia Scully
Reply 31 de December de 2016

Acompanho voce desde inicio e vou ser bem concisa: Adoro o blog, Insta e Snap. Voce nao precisa cobrir todas as medias do momento e tao pouco as que estao surgindo e vao surgir. Na minha opiniao, voce deve se concentrar no blog (onde tudo comecou) e ocasionalmente no Snap ou Insta. Nao da para fazer tudo e a gente nao precisa de toda essa media todo o tempo. All the best!

Cleiva Freitas
Reply 31 de December de 2016

O Mundo Digital é muito rápido e quase impossível acompanha-lo.
O Instagram nasceu para o mundo da fotografia e desempenha seu papel brilhantemente.
O Snapchat tem o poder de aproximar pessoas com interesses comum de qualquer parte do mundo. E essa ligação é tão forte que faz cada vez mais as pessoas se aproximarem, se conhecerem.
O InstHistore não substitui o Snapchat, porque o perfil das pessoas que o usam são de fotos, não interagem com os usuários do Snapchat, são App diferentes.
Acredito que para ter sucesso nos 2 é necessário fazer o Snap e depois reproduzir no InstHistore.
Cada Mídia tem sua particularidade e é só seguir os seus instintos.
Você é muito talentosa e com certeza ira tirar de letra.
Abraço e Feliz 2017.

Maria Angélica Tissi
Reply 31 de December de 2016

Querida Consuelo Te sigo há algum tempo e deu pra perceber esse momento que vc passou, cheguei a comentar com vc que sentia saudades daquele momento tranquilidade em que vc lia o jornal pela manhã, mais penso que vc se saiu muito bem e, que bom que parou....refletiu e não deixou o seu trabalho invadir sua vida pessoal..tudo na medida certa né?
Um beijo enorme pra vc um 2017 maravilhoso e que Deus te ilumine sempre....bjos bjos e bjos

..

Denise Luna
Reply 31 de December de 2016

Amo esse blog, você e o Salotto!!!!!!
A palavra chave é se reinventar constantemente e isso, você sabe fazer MUITO BEM!
Parabéns, minha querida!
Beijos e um 2017 maravilhoso conosco na sua cola!

Bell Pollesi
Reply 31 de December de 2016

Faço minhas as palavras de todas as amigas acima! Começo o dia já buscando algo em suas ferramentas...é sempre prazeroso!!! Obrigada por mais um ano juntas - nem sei quanto tempo faz que te sigo,mas sei que são muitos - e desejo que vc e e sua família - e a maravilhosa mamisa - tenham um 2017 maravilhoso, cheio de novas conquistas e sonhos realizados...bjs

Ana Laura Dimas de Freitas Rabelo
Reply 31 de December de 2016

Cons,

Nada melhor que um tempo de introspecção para a gente se localizar e se firmar.
Que 2017 lhe traga oportunidades incríveis, e sim me refiro ao $ lado comercial do blog, porque não tenho nada contra, muito pelo contrário!
Você tem gerido tudo muito bem, e tenho certeza que só vai se aperfeiçoar.
God bless!

XXX,

AL

Maria Vilma
Reply 31 de December de 2016

PS: Consuelo, minha amada! Nem preciso acrscentar nada ao que já foi dito e muito bem dito pelas queridas e querido do Salloto! Mas destaco a Lu, na sua enorme sabedoria, com suas análises precisas. E sobre um de seus questionamentos, Consuelo, por pensar igual, reproduzo aqui o que ela diz neste trecho:
"Penso que seja consenso que um(a) “digital influencer” precisa de patrocínio, de parcerias comerciais para seu trabalho. Não compreendo sequer discutir isso. Sem falar que suas parcerias são de qualidade; Bontempo, Phebo Granado, etc."
E ainda o que disse a Glória: "Fico feliz quando vejo que as parcerias comerciais aumentam. Para o blog elas são tão necessárias quanto a remuneraçao por qualquer trabalho honesto."
No mais, como já lhe disse, por questões técnicas (hahaha...), acompanho vc basicamente pelo Blog... E acho e até pensei que assim fosse, que um conteúdo único (cada qual com as suas especificidades, claro...), para todas as mídias seja, no mínimo, humanamente compreensível... tanto para quem faz (a não ser que tenha uma p... equipe), quanto para quem acompanha, porque, assim, pode escolher qual a sua preferência e disponibilizar/otimizar o seu tempo para ver, comentar, assistir... Sem achar, inclusive, que estar sendo preterido em relação a outro conteúdo, ou por você (não sei se me fiz entender...?!?).
Quanto aos aplicativos e similares... Querida, em qualquer lugar, plataforma que decidir trilhar, ficar, não será qualquer lugar quando você chegar. Com o seu humor, a sua alegria, e competência: a nos convocar a sair do nosso modo, muitas vezes, padronizado de pensar, agir, sentir... vc fará toda diferença.
Eu acho que entrar num acordo com o tempo, para ajustar a engrenagem de fora e de dentro, sempre traz resultados positivos... Também acho que nesse tempo todo que estamos juntas(os) estruturou vínculos fortes o que fará com que não nos percamos de vista. Nunca. Estamos e estaremos com você. Sempre!
Desejo A você e aos seus amados e a esse Salotto amado um Ano Novo com muita Saúde, Paz e bem!
Beijos e abraços fortes!!!
MaVi

Fernanda
Reply 31 de December de 2016

Consuelo, seu blog é um dos poucos que acompanho justamente por você ser tão verdadeira. Em muitos outros o que vejo são personagens, seja na forma de vestir, agir e até mesmo em falar somente o que os outros querem ouvir. Obrigada por dividir seus momentos, opiniões e paixões com a gente e o que puder fazer pra descomplicar a vida, apenas faça, está certíssima! E que 2017 seja um ano mais leve para todos nós!

Mia Athayde
Reply 31 de December de 2016

Caríssima Consuelo .... Amooooo vc muitooooo !
Pela tua história, pela tua sensibilidade, pela tua inteligência, competência, pelos teus talentos, pela tua sinceridade, pelas bandeiras que vc levanta e acredita, pelo teu sorriso, pelo bom humor, pela sabedoria, maturidade, adequação, pela tua elegância perante a vida, pela amiga, pela mãe,pela filha que vc é ....
Imagino (sempre penso nisso e já te falei), como deve ser trabalhoso fazer teus posts, estar levando para o mundo virtual teu dia a dia, criar interesses e novidades o tempo todo ...
Mas também já te falei como voce é competente e talentosa em desenvolver esse trabalho com tanto brilho e amor!
Há tempo para tudo ... para criar, parar esperar, para cuidar, para crescer ... há o tempo do pensar, do rever, do refazer, do deixar ...
E essa tua reflexão é naturalmente necessária, bem vinda, importante!
Te desejo um clarão de luz no teu caminho, um encontro com vc mesma e conosco, um aconchego com teus anseios e uma feliz caminhada em 2017!!!!
Desafios ... esperança e crença ... maturidade e serenidade ...
Parabénssssss e muitooooooo obrigada pela tua companhia e por toda inspiração que vc nos traz ... :))
Um abraço grande e um beijo no coração!!!!!

    Mia Athayde
    Reply 2 de January de 2017

    Uppsssssssss !!!!!!!
    Sorry pelo gerundismo que eu acho horrível!!!!
    "estar levando" ninguém merece !!!!
    Sorry again!
    :))
    bjs

Renata Di Pietro
Reply 1 de January de 2017

consuelo,adoro o teu blog e tudo o que voce passa atraves dele!
um 2017 iluminado,muita paz e carinho na sua alma!
beijo
renata

Gace Naomi Nagamine
Reply 2 de January de 2017

Oi! Feliz 2017! Para ser sincera só acompanho seu blog, não tenho tempo para mais nada. Tenho uma pequena lista seleta de blogs e sites de notícias que sigo. Sou da área de TI (tecnologia da informação), com trabalho, família e casa para gerenciar eu ainda não criei tempo para todas as mídias na minha rotina. Apesar de visitar todos seus posts e ser fã de seu trabalho, acho que faço parte da parcela de leitores que comenta pouco. Espero que suas escolhas sejam pautadas pelo seu bem estar e sua felicidade pessoal antes de qualquer coisa, que as pessoas seguirão seu brilho. Beijos!

    consueloblog
    Reply 2 de January de 2017

    Obrigada pelo carinho!! Com todos os comentários nas várias mídias, estou entendendo que devo seguir meu instinto e ser "true" real a cada mídia pois é verdade que imagino para cada uma pessoas diferentes... Adorei!! bjs c

Blandine Godoy
Reply 2 de January de 2017

Olá querida,
me "aproximei" de você naquela corrida de Siena de 2015, quando comecei a te acompanhar no Snap. Engraçado que percebi essa sua mudança quando o Instagram surgiu, meio que uma ansiedade... como pode ser possível entender uma pessoa que eu não conheço, meio que ler o que ela estar pensando e sentindo e agora você me confirmar que isso é verdade?? Louco né?! Acho que talvez as mídias sociais realmente aproximam as pessoas, e não afastam.
Eu particularmente, ainda prefiro o Snapchat, me sinto mais próxima de você e de outras pessoas por lá, acgo que talvez pelo Instagram ter tantos viewers, as pessoas ficam um pouco mais tímidas e blindadas por lá, mas acho que você está certa de ouvir o seu coração, já que foi com esse guia que você chegou até aqui.
Um abraço grande, e que saibamos encarar as mudanças que vão seguindo de coração aberto e que continuemos jovens para absorve-las. 2017 seja escrito de maneira linda por nós.
Beijo enorme,

Teresa
Reply 2 de January de 2017

Acho que essa necessidade de transformação está presente no mundo hoje, e particularmente ao povo na nossa faixa etária, vide o post da Lu...a gente já viu muitas transformações, mas a velocidade era diferente. Penso que as pausas são importantes (o que seria dos ritmos musicais sem as pausas???) ainda que o mundo pareça não permiti-las. Um lindo 2017 a todos!!!

Carmen Nogueira
Reply 2 de January de 2017

Consuelo, te acho 10 ! Sempre te admirei pela sua classe, seu estilo, bom gosto e pela sua disposição e criatividade para estar em todas essas midias além de estar sempre com o pé na estrada. Te ouvindo neste video, consegui perceber que você resolveu " respeitar seus limites" e seu direito de questionamento interno em prol do seu autoconhecimento.BARBARO!! Sem esses momentos a gente acaba sendo levada pela vida sem muita consciência. Te entendo totalmente.
Faça suas escolhas ( que por sinal agrada a muita gente) , sem se esquecer que agradar à todos jamais será possivel.Suce$$o ; )
Que 2017 seja cheio de realizaçóes ,amor e saúde para aproveitat tudo.
Bjo

Maria Bastos
Reply 2 de January de 2017

Consuelo, também fiquei com medo de que você desistisse do Bolg!! Acompanho, curto, aprendo e me emociono sempre com você. Um 2017 maravilhoso, e agradeço muito, mas muito mesmo pelas suas palavras. Beijos

Marina Di Lullo
Reply 2 de January de 2017

Uau Consu!! Você viu como sua reflexão gerou tantas outras reflexões? A comunicação em mídias está numa velocidade alucinante. Toda parada e toda interiorização são bem vindas, para que delas advenha a clareza necessária para que se siga em frente. Estamos juntas!!
Beijo grande,
Marina

Marina
Reply 2 de January de 2017

Feliz ano novo Consuelo e Salotto! Eu conheci o seu blog há 2 ano e fui ficando... Adoro! O Ano novo traz sempre uma certa nostalgia e vontade de renovar e de repensar a vida. Normalíssimo.
Neste mundo tão competitivo e intenso, se permita parar e ser menos (digital), se for essa a sua vontade. Estamos consigo, como diz a minha Xará Marina, Um beijo ! Marina

Maria Benincasa
Reply 2 de January de 2017

Querida Lady Linda, queria te dizer umas coisas. O primeiro blog q segui foi o seu. E comecei por causa das dicas de viagens! Comecei a aprender sobre estilo, sobre diferentes culturas e a conhecer vc! Apesar de ser fã dessa digital influencer que acho linda, inteligente, autentica, culta e divertida, o que mais admiro em vc sao sua luz e sua generosidade! Vc deu a mim e a outras pessoas q frequentam essa sua sala de visitas, um presente impagavel! Numca ouvi falar q outra " blogueira" tenha feito algo parecido! Alem do nosso amor e admiração, nao sei se vc ganhou algo com isso! Coisas materiais, com certeza nao! Vc nos deu a oportunidade de encontrar amizades verdadeiras para vida inteira! Amigas irmãs, q estao juntas para o que der e vier, como tem sido a algum tempo! Vc sabe do q estou falando, não é??? Isso te faz diferente da maioria e te faz brilhar, independente das tuas qualidades mais visiveis! E por isso serei eternamente grata! Vibro e peço a Deus que te ilumine para q encontre o melhor caminho dentro de tantas possibilidades! E que se sinta feliz! Dificuldades de diferentes naturezas aparecem em qq profissao! Mas vc vai superar as suas!
E por ultimo, como diz minha Maiã, as pessoas gostam de criticar!!
Que seu Ano seja incrivel! Cheio de amor e harmonia!
Bjs da roça

eduarda
Reply 2 de January de 2017

Consuelo, antes de tudo lhe desejo ( e a todos do Salloto) um ótimo 2017!
Acho que já dei minha opinião sobre isso em outra ocasião, mas repito: -o Blog foi onde tudo começou e é onde vejo o o centro de gravidade a permanecer dando a órbita aos demais, inclusive no quesito da solidez para a continuidade das parcerias.
Abraço e boa sorte no estabelecimento dos indispensáveis rítmos!

Marly Papa
Reply 3 de January de 2017

Querida Consuelo , antes de mais nada Feliz Ano Novo e que ele lhe traga muita paz em seu
coração e muitos momentos felizes !!!
Eu achei que a Mia escreveu tudo que eu acho e sinto , sempre estarei ao seu lado , pro que der e vier , não se sinta pressionada a tomar nenhuma decisão por agora , dá um tempo , quem gosta de vc , vai te seguir aonde vc estiver !!! Um Bj carinhoso !!!

Marly Papa
Reply 3 de January de 2017

Querida Consuelo , antes de mais nada Feliz Ano Novo e que ele lhe traga muita paz em seu coração e mtos
momentos felizes !!!
Eu achei que a Mia escreveu tudo que eu acho e sinto , sempre estarei ao seu lado , pro que der e vier , não se sinta pressionada a tomar nenhuma decisão por agora , dá um tempo , quem gosta de vc , vai te seguir aonde vc estiver !!! Um Bj carinhoso !!!

Flávia
Reply 7 de January de 2017

Querida Consuelo, engrosso o coro dos comentários registrados aqui: não nos abandone, por favor!! Não se incomode com as críticas de quem não sabe da seriedade do seu trabalho, sei da sua seriedade e confio nas suas escolhas. Uma sugestão: talvez seja interessante dividir os vídeos por idioma. Por exemplo, vídeos gravados em português no instastories e vídeos gravados em outros idiomas - italiano, inglês - você coloca no snapchat. Acho que quem te curte vai seguir sua escolha. Eu criei minha conta no snap só para te ver! Enfim, obrigada por tudo, que 2017 seja um ano em que você receba de volta todo o bem que nos proporciona! Felicidades!!!

Celina Takara
Reply 7 de January de 2017

Consuelo, vi os teus vídeos e, neste último, percebi a tua introspecção. Foi mais interessante ler em seguida os comentários da Luciana e tudo fez sentido para mim.
Outro dia, tive a oportunidade de atender a Kéfera Buchmann, uma digital influencer de peso entre os adolescentes aqui no Brasil (tem dois livros e fez dois filmes, mais ou menos isso). Simplesmente usei a minha intuição e a atendi com a maior discrição, e inclusive deixei claro que entendia que ser uma youtuber não devia ser nada fácil, muito pelo contrário. No final do atendimento, a menina simplesmente me deu um beijo de agradecimento, porque gostou de mim! Na verdade, fiquei preocupada com essa garota... Fui pesquisar no canal dela e descobri que ela estava passando por um momento delicado, porque a tia dela estava em fase terminal de câncer e tal... Fiquei triste e até chorei também ao vê-la se debulhando em lágrimas, porque aquilo foi muito sincero da parte dela.
Enfim, também espero que você continue sendo autêntica, em qualquer plataforma digital onde você resolver mostrar a tua vida. Não se preocupe com eventuais haters, porque até Jesus Cristo também foi odiado e, mesmo assim, seguiu o caminho em que acreditava.
Que você faça dessa pausa um momento frutífero e descubra o que realmente é melhor pra ti e para os que te cercam.
Muita luz no teu caminho sempre!
Um abraço de urso e beijos com carinho.

Thatiana Porto
Reply 6 de April de 2017

Olá Consuelo, tudo bem? Adorei seu blog e suas dicas! Ainda não o conhecia, mas agora acompanho sempre que tenho um pouquinho.
Não tenho outra forma de fazer esta pergunta sem ser indiscreta, então serei direta: não conheço, mas amei este acessório que você esta usando nesta echarpe. Pode me dizer como se chama ou o que é? É um alfinete, broche?
Grande beijo e muito sucesso.

    consueloblog
    Reply 7 de April de 2017

    É um alfinete antigo usado por homens no fim de 1800 e início de 1900 para segurar as "cravats". Algo entre um foulard curto e uma gravata.
    É uma herança. bjs c

Leave a comment

Your email address will not be published. Required fields are marked *